cdb ou debêntures

CDB ou debêntures: entenda qual é a melhor opção para você

Investir em CDB ou debêntures pode ser uma ótima forma de diversificar sua carteira, diminuindo os riscos associados a ela e melhorando a rentabilidade. Ao optar por esses ativos, você estará emprestando seu dinheiro para uma empresa ou para um banco, e eles retornam esse empréstimo, acrescido de juros.

Para alocar seu capital nesses investimentos, é importante entender melhor como cada um deles funciona. Se você quer saber quais são as vantagens e desvantagens de investir CDB ou debêntures, confira este conteúdo, em que explicamos os principais detalhes sobre essas possibilidades!

O que são debêntures?

Ao investir em debêntures, você está emprestando dinheiro para uma empresa privada para ela conseguir cumprir as obrigações de médio ou longo prazo. Portanto, ao realizar esse tipo de aplicação financeira, você tem o direito de crédito sobre a empresa que, ao final do tempo determinado, deve quitar a dívida que fez com você.

Esses títulos de dívida são remunerados com juros e podem ser pré-fixados, pós-fixados ou, ainda, híbridos. Os prazos determinados por esses títulos vão de alguns meses até mais de dez anos, e quanto maior o prazo, melhor o retorno. As debêntures são uma alternativa de investimento de renda fixa e podem ser utilizadas com o objetivo de diversificar seus investimentos.

O que é CDB?

Os CDBs (Certificados de Depósito Bancário) são alguns dos ativos mais conhecidos de quem investe em renda fixa. Normalmente, estão disponíveis na maioria dos bancos e, por conta dessa comodidade, são muito utilizados por pessoas que pretendem ganhar mais do que a poupança, sem ter um grande trabalho para investir.

Se nas compras de Tesouro Direto você cede capital para o governo, na aquisição de CDBs, você empresta recursos para os bancos financiarem suas operações de crédito. Desse modo, essas instituições financeiras captam dinheiro por meio desses certificados e oferecem, em troca, uma remuneração superior à poupança.

cdb ou debêntures

Quais são as diferenças entre investir em CDB e debêntures?

Existem algumas diferenças entre os Certificados de Depósitos Bancários e as debêntures. A principal é relativa a quem emite esses ativos. Enquanto o CDB é emitido pelos bancos com o objetivo de captar recursos, as debêntures são emitidas pelas empresas privadas, a fim de garantir o pagamento de dívidas de médio e longo prazo.

Abaixo, listamos as vantagens e desvantagens de cada uma das opções. Continue a leitura e confira!

Vantagens de investir em CDB

Uma das vantagens de investir em CDBs é que essa modalidade é muito simples e fácil de encontrar. Com o objetivo de efetuar tal aplicação, basta transferir dinheiro da conta corrente para o CDB e aguardar o prazo de maturação desse ativo.

Outro ponto importante é que esse tipo de aplicação financeira é coberta pelo Fundo Garantidor de Crédito, assegurando que, em qualquer caso de incapacidade de pagamento do banco, o valor investido até R$250 mil é devolvido ao investidor. Quanto a sua remuneração, ela é superior à poupança e representa uma alternativa segura de investir.

Desvantagens de investir em CDB

Quanto às desvantagens, podemos citar o risco de crédito. Ele se refere à probabilidade de a instituição financeira que emitiu esse documento ter problemas de caixa e não conseguir ressarcir os investidores. Por conta disso, vale a pena pesquisar sobre a reputação da instituição que está emitindo o ativo.

A fim de evitar esse tipo de problema, uma excelente alternativa é acompanhar a classificação de risco de crédito feita por agências independentes, que atribuem um rating a instituições que emitem CDBs. O rating significa qual a nota que mede o risco de crédito da organização. Assim, quanto mais alta, melhor a reputação do emissor.

Vantagens de investir em debêntures

O principal atrativo de fazer investimentos em debêntures é que, para a classe de ativos em que ela está inserida, de renda fixa, essa opção oferece um rendimento acima da média. Além disso, existem empresas diversas que oferecem esse tipo de aplicação financeira com prazos, variedade de remuneração e garantias distintas.

Assim, as debêntures podem propiciar alternativas de diversificação da carteira. Um ponto importante para investir nesse tipo de ativo é contar com a ajuda de profissionais do mercado, a fim de fazer escolhas adequadas para reduzir os riscos e garantir uma boa remuneração para o seu capital.

Desvantagens de investir em debêntures

A maior desvantagem de investir em debêntures é o elevado risco associado a elas. No intuito de conseguir minimizar isso, é importante verificar informações relativas ao ativo, a fim de evitar levar o calote da empresa que emitiu esse título. Além disso, o investimento em debêntures, ao contrário do CDB, não conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Outro ponto que pode ser considerado é relativo à liquidez dessa opção. Se você tem o objetivo de fazer o resgate antes da data, é necessário negociar o título no mercado secundário, precisando que alguém deseje comprá-la, o que pode demorar alguns dias.

É seguro investir nesses tipos de aplicações financeiras?

Em ambas as alternativas, a remuneração é superior à poupança, e você sabe exatamente o valor que vai receber no final do contrato. Uma diferença importante é que, enquanto o CDB conta com a cobertura do FGC, as debêntures não têm esse tipo de seguro. Isso significa que é fundamental conhecer bem a instituição da qual você está se tornando credor.

A fim de realizar uma boa escolha, é essencial contar com ajuda de uma empresa especializada e que possa orientar qual caso é mais adequado para os seus investimentos. Assim, com o suporte de especialistas, você consegue diversificar sua carteira, minimizar os riscos e ampliar a rentabilidade recebida.

Já sabe se vai escolher CDB ou debêntures? Ambos são excelentes ativos para investir, mas que demandam atenção quanto ao banco emissor. Se você está em dúvida sobre quais as melhores alternativas de investimento, o banco ABC do Brasil conta com diversas opções em renda fixa, e você ainda abre a sua conta sem gastar nada com manutenção ou taxas de corretagem.

Viu como escolher bons ativos faz o seu dinheiro render mais? Então, entre em contato conosco e comece agora mesmo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.