Segurança Cibernética

Dicas de Segurança Cibernética

O ABC BRASIL busca sempre as melhores soluções tecnológicas para garantir segurança e praticidade na utilização de seus produtos e canais.

Veja algumas informações e dicas sobre o uso dos serviços online para você ter uma experiência simples e segura.

Veja algumas informações e dicas sobre o uso dos serviços online para você ter uma experiência simples e segura.

Onboarding ABC Brasil

Ao ativar sua conta ABC Personal você passará pelo processo de validação por SMS e cadastro de uma senha de acesso que será utilizada posteriormente

Para Pessoa Jurídica, o processo segue criteriosamente os aspectos logísticos, de envio de token (hardware / software) e medidas orientativas pelo canal de atendimento para ativação

Importante: O Banco ABC não solicita por e-mail ou em seus canais informações sensíveis tais, como; senha, e-mail para cadastro.

Cuidados com sua SENHA

Não utilize senhas fáceis de serem descobertas,

  1. Como nome de parentes, data de aniversário, placa do carro, etc.
  2. Dê preferência a sequências que misturam letras, números e até mesmo símbolos especiais.
  3. Não use como senha uma combinação que tenha menos que oito caracteres.
  4. Não guarde suas senhas em arquivos do Word ou de qualquer outro aplicativo. Se necessitar anotar uma senha em papel (em casos extremos), destrua-o assim que decorar a sequência. Além disso,
  5. Evite usar a mesma senha em vários serviços.

Controle na Transacionalidade (Token)

O ABC utiliza a funcionalidade de validação e aprovação de transação sempre que um cliente efetua uma operação em seus canais eletrônicos, afim de garantir o não repúdio e sua autenticidade.

Cuidado com e-mails falsos

O Banco ABC não envia links solicitando informações pessoais e sensíveis sobre credenciais de acesso, tais como, token, login e senha

Caso receba algum contato solicitando essas informações desconfie e contate imediatamente os canais de Atendimento ABC, pois não é uma pratica adotada por nós.

  • Não forneça seu endereço de e-mail em sites suspeitos ou não relacionados. Este comportamento simples evita que o seu e-mail seja alvo de mensagens indesejadas;
  • Desconfie de mensagens contendo erros de ortografia ou formatação, que solicitam informações com tom de urgência, provenientes de remetentes desconhecidos ou forjados, simulando órgãos públicos, empresas privadas, instituições financeiras, serviços de proteção ao crédito, entre outros. A maioria das empresas legítimas adota a política de não solicitar informações pessoais por e-mail e não colocam links nas mensagens;
  • Não acesse links presentes em mensagens suspeitas. Se o endereço do link for conhecido, digite-o diretamente na barra de endereço de seu Navegador de Internet, evitando assim ser redirecionado indevidamente para um site falsificado. E-mails fraudulentos normalmente trazem links que aparentam ser de sites verdadeiros, mas ao passar o cursor do mouse sobre eles, pode-se observar outro endereço, possivelmente um site falsificado;
  • Ao suspeitar de uma mensagem, não abra ou salve arquivos anexos, evitando assim a contaminação do computador por vírus e sua disseminação para outros equipamentos ou destinatários de e-mail.
  • Caso esteja aguardando um e-mail e mesmo após a confirmação do envio a mensagem não chegar, entre em contato com a equipe de segurança para verificar se o e-mail ficou em quarentena no sistema de proteção contra SPAMs

Atualize seu antivírus

É importante instalar softwares de segurança em seu computador, como um antivírus. Mas, além de instalá-lo, é necessário se certificar de que o programa é atualizado constantemente, do contrário, o antivírus não “saberá” da existência de novas ameaças cibernéticas (vírus, malware, ransonware, etc). Praticamente todos os antivírus atuais têm atualizações automáticas definidas por padrão, mas é sempre bom verificar.

Atualize seu sistema operacional

É importantíssimo instalar as atualizações do seu sistema operacional, inclusive em seus dispositivos móveis (tablets e smartphones). Para que você não tenha que se preocupar com isso constantemente, verifique se o seu sistema operacional possui a funcionalidade de atualização automática ativada (a maioria tem este recurso, como as versões mais recentes do Windows, Sistemas Apple e Linux).

Cuidado com downloads

Se você usa programas de compartilhamento (torrente, utorrent, etc) ou costuma obter arquivos de sites especializados em downloads, fique atento ao que baixar. Ao término do download, verifique se o arquivo possui alguma característica estranha, por exemplo, mais de uma extensão, tamanho muito pequeno para o tipo do arquivo ou informações de descrição suspeitas, pois muitas ameaças digitais se passam por músicas, vídeos, fotos, aplicativos e outros para enganar o usuário. Além disso, sempre examine o arquivo baixado com um antivírus.

Tome cuidado com sites que pedem para você instalar programas para continuar a navegar ou para usufruir de algum serviço. Ainda, desconfie de ofertas de softwares “milagrosos”, capazes de dobrar a velocidade de seu computador ou de melhorar a sua performance, por exemplo.

Ao obter softwares que, a princípio, são legítimos, você também deve tomar cuidado com a sua instalação: durante esse processo, o aplicativo pode deixar de maneira pré-marcada a ativação conjunta de outros programas, como barras para navegadores ou supostos aplicativos de segurança. Assim, acompanhe todas as etapas de instalação e rejeite qualquer oferta do tipo.

Cuidado ao baixar o App ABC Personal

O Banco ABC conta um App chamado “ABC Personal” disponível em duas principais lojas Apple Store e Play Store, devidamente assinado e com rigorosos mecanismos de proteção.

Caso você esteja em busca de nosso App, e seja direcionamento para alguma outra loja que não sejam essas, desconfie, pois provavelmente trata-se de um comportamento duvidoso.

Cuidado com links em mensagens instantâneas e redes sociais

Alguns malwares podem, mesmo que temporariamente, aproveitar que o usuário está utilizando serviços de mensagens instantâneas como WhatsApp, Telegram e Skype para emitir mensagens automáticas com links para vírus ou sites maliciosos durante uma conversa. Em situações desse tipo, é comum que a parte que recebeu a mensagem pense que a outra pessoa realmente a enviou e, assim, acaba clicando no link com a maior boa vontade.

Por conta disso, se receber um link que não estava esperando durante uma conversa, pergunte ao contato se, de fato, ele o envio. Se a pessoa negar, não clique no link e avise-o de que seu computador ou smartphone pode estar com um malware.

Tenha atenção também em redes sociais, como Facebook e Twitter, pois um contato pode, por exemplo, recomendar um link sem perceber que o seu conteúdo é perigoso ou um aplicativo duvidoso pode fazer uma postagem sem que a pessoa tenha percebido.

Atenção aos anexos de e-mails

Esta é uma das instruções mais antigas, mesmo assim, o e-mail ainda é uma das principais formas de disseminação de malwares. Tome cuidado ao receber mensagens que te pedem para abrir o arquivo anexado (alegando se tratar de uma foto comprometedora, por exemplo), mesmo se o e-mail tiver vindo de alguém que você conhece. Para aumentar a segurança, você pode checar o arquivo com um antivírus, mesmo quando estiver esperando recebê-lo.

Reforçamos que o ABC Brasil não encaminha informações com esse tipo de abordagem

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.