liquidez

Conheça 5 investimentos para quem está buscando boa liquidez

Você considera a liquidez dos investimentos antes de aplicar seu dinheiro? Se ainda não faz isso, deveria, já que avaliar essa característica de todos os que estão disponíveis no mercado é de fundamental importância para encontrar aplicações alinhadas com seu perfil e suas metas.

O objetivo deste texto é indicar boas opções de investimento para quem prioriza a liquidez. Mas antes, vamos explicar o que é esse conceito e porque é tão importante considerá-lo antes de investir. Boa leitura.

Veja o que é liquidez e por que ela é importante

A liquidez é um conceito utilizado na economia para definir o quão fácil é converter um ativo ou investimento em dinheiro, sem que isso gere perdas significativas. Alguns exemplos podem ajudar a tornar essa definição mais fácil de entender.

Uma aplicação no Tesouro Selic tem alta liquidez, uma vez que para reaver o dinheiro ali investido basta solicitar o resgate de seu título.

Por outro lado, quem tem em mãos um ativo como um imóvel pode sofrer com a falta de liquidez. Para converter essa propriedade em dinheiro, será necessário encontrar um comprador interessado, o que pode levar tempo. Além disso, dependendo das condições do mercado, será necessário revender o imóvel abaixo do preço que se pagou por ele, o gera prejuízos ao investidor.

Para quem é indicado?

Investimentos com alta liquidez são indicados para todos os perfis, para aqueles investimentos com metas de curto ou médio prazo, ou ainda, para aquele dinheiro que será investido como forma de manter uma reserva de emergência e, para isso, não podem abrir mão da liquidez e segurança.

Dessa forma, é importante considerar a facilidade em reaver os recursos investidos em caso de imprevistos que demandem a utilização deles. Por outro lado, essas aplicações podem ter retornos mais baixos quando comparadas a opções com vencimentos mais longos e menor liquidez.

liquidez

Conheça 5 opções de investimento para quem está buscando boa liquidez

Em nosso exemplo para entender melhor o que é liquidez citamos o título Tesouro Selic, uma ótima opção de investimento que vem ganhando popularidade entre os brasileiros.

O Tesouro Selic, como o próprio nome dá a entender, tem rentabilidade atrelada à SELIC — taxa de juros básicos da economia nacional. A boa liquidez desse título é favorecida pelo fato de que não há marcação a mercado e o resgate é feito com a rentabilidade obtida no período.

Continue a leitura do texto e conheça outras alternativas para quem está buscando uma boa liquidez em seus investimentos:

1. CDB

Os Certificados de Depósito Bancários (CDB) são uma das aplicações de renda fixa das mais populares no mercado e estão disponíveis em praticamente todos os bancos de varejo. Eles funcionam por meio da emissão de títulos pelas instituições financeiras, que usam esse recurso para captar dinheiro no mercado e, assim, conseguir financiar suas operações.

Com isso, quem adquire um desses títulos está, na prática, emprestando dinheiro ao banco em troca do recebimento dos juros contratados no momento da aplicação.

Os CDBs rendem de acordo com a taxa contratada no momento da aplicação, e os mais populares são aqueles que rendem um percentual do CDI (que por sua vez, orbita a taxa SELIC). Esse investimento tem baixo risco e é garantido pelo Fundo Garantidor de Crédito.

Para aproveitar a boa liquidez do CDB, é necessário ter atenção no momento da aplicação, uma vez que nem todos os títulos têm o que se chama de liquidez diária. Muitos deles permitem que o saque seja feito apenas no vencimento.

Esse prazo mais alongado é possivelmente recompensado com juros mais atraentes do que os títulos com liquidez diária. Logo, é preciso considerar esse aspecto no momento da escolha, caso a facilidade de resgate não seja sua preferência.

2. LCA e LCI

As Letras de Crédito do Agronegócio ou Imobiliário são ótimas formas de aplicar seu dinheiro a médio e longo prazos com segurança para você, e ainda contam com um grande benefício que é a isenção de Imposto de Renda.

Na prática, ao investir em LCA ou LCI, o investidor estará ajudando a financiar projetos ou operações ligadas ao agronegócio, no caso das LCAs, ou ao setor imobiliário, no caso das LCIs, que são setores extremamente importantes para a economia de nosso país, e é por isso que o governo isenta este investimento de Imposto de Renda e IOF para pessoa física.

Em troca, o investidor receberá de volta o valor investido acrescido dos juros.

Similares ao CDB, esses investimentos rendem de acordo com uma taxa contratada no momento da aplicação, e os mais populares também são aqueles que rendem um percentual do CDI.

Esses investimentos podem oferecer liquidez diária após determinado período de carência, cujo o mínimo obrigatório é de 90 dias.

3. Tesouro prefixado

O Tesouro prefixado é um dos diversos títulos públicos negociados na plataforma do Tesouro Direto. Ele funciona de forma similar ao CDB, com a diferença de que sua emissão não é feita por uma instituição privada, mas sim pelo Tesouro Nacional. Isso é feito para financiar a dívida pública e as atividades do Estado. Logo, o investidor se torna credor do governo.

Com os títulos prefixados, você sabe no momento da aplicação qual será o seu retorno. Isso pode ajudar muito investidores que querem se planejar em médio e longo prazo.

Os títulos do Tesouro Direto, como já mencionamos o caso do Tesouro Selic, possuem uma alta liquidez e é possível solicitar seu resgate em dias úteis. No entanto, o Tesouro Prefixado segue a chamada marcação a mercado, e será necessário vendê-lo ao preço do momento, que pode ou não ser menor do que aquele inicialmente pago. Quando levado até o vencimento, seu retorno é exatamente aquele acordado no momento da aplicação.

4. Tesouro IPCA+

Esse outro título do Tesouro Direto, que rende uma taxa prefixada mais o índice IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) do período, também possuí uma alta liquidez e, assim como nos Títulos Prefixados citados acima, há a incidência da marcação a mercado que precisamos levar em consideração. Quando o título é levado até seu vencimento, seu retorno também será aquele acordado no momento da aplicação, que nesse caso irá variar de acordo com o IPCA do período.

A liquidez é um aspecto-chave na hora de definir os ativos que comporão sua carteira de investimento, seja qual for o seu perfil de investidor. Por isso, guarde bem a definição desse conceito e saiba como avaliá-lo, considerado sua condição atual, suas metas e a possível necessidade de reaver o dinheiro em curto prazo.

Quer saber quais as melhores opções para você, que procura investimentos com boa liquidez? Entre em contato com o ABC Brasil agora mesmo e veja como podemos ajudar você.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.